Arritmia

Entendendo a arritmia cardíaca

O que é

É uma doença comum, que afeta aproximadamente 5% da população brasileira, caracterizada por alterações no ritmo normal do coração.  Ela ocorre quando os impulsos elétricos não são gerados ou conduzidos corretamente pelo coração, fazendo com que os batimentos cardíacos se tornem descompassados.  

Chamamos de taquicardia os batimentos acelerados e bradicardia, os lentos. Elas são divididas em vários subtipos, segundo a localização no coração, causa, prognóstico e evolução.

Sintomas

Em alguns casos a doença é assintomática e os pacientes não se queixam de sintomas. Porém, quando presentes, os principais sintomas são palpitações, tonturas, e desmaios, podendo ocorrer ainda falta de ar e dores no peito.

Causas

Distúrbios no coração

Nosso coração é semelhante a uma bomba hidráulica. Através de seu batimento ele leva sangue a todo o corpo humano. Ele é capaz de gerar seus próprios batimentos através da geração de estímulo elétrico próprio. Falhas na geração destes estímulos ou sua geração em locais inapropriados do coração são responsáveis pela ocorrência de arritmias.  

Ainda, uma vez gerado, o estímulo é conduzido pelo coração para suas diferentes regiões com a finalidade de que os músculos e demais estruturas contraiam corretamente. Em algumas pessoas portadoras de arritmia cardíaca, a condução deste impulso é falha.


Estilo de vida

Além de fatores independentes ligados à estrutura morfológica do coração, existem fatores do ambiente externo, diretamente relacionados ao estilo de vida, que podem estar associados a quadros de arritmia cardíaca. A presença de doenças cardíacas, pressão alta, tabagismo, obesidade, sedentarismo, consumo elevado de álcool, estresse, e o uso de medicamentos e/ou drogas, podem levar o coração ao descompasso. Além desses fatores relacionados ao estilo de vida, fatores genéticos e idade avançada também podem ser causadores de arritmias cardíacas.  

 

Diagnóstico

O diagnóstico só pode ser realizado por um médico, através de exame clínico, mas frequentemente requer exames laboratoriais, registros eletrocardiográficos, e exames de imagem.

 

Na consulta

O médico inicia o atendimento pela anamnese médica para conhecer os fatores de risco, histórico médico e histórico familiar. Depois, se seguirá o exame clínico do paciente. Além da avaliação clínica clássica, na Scuotto Cardiologia, os pacientes fazem um ECG (eletrocardiograma) para registro dos impulsos elétricos do coração e avaliação de possíveis distúrbios de ritmo ou alterações sugestivas de doença cardíaca. Geralmente, outros exames laboratoriais e de imagem são necessários para determinar as causas e auxiliar no tratamento das arritmias cardíacas.  

 

Exames complementares

Os exames mais comuns, além do ECG, são o ecocardiograma, um tipo de ultrassonografia para avaliação morfológica do coração, o Holter que permite o registro eletrocardiográfico contínuo por 24 horas e o o Teste de esforço, para detecção de arritmias no esforço, avaliação da capacidade funcional, e pesquisa de doença coronariana. Pode ser ainda necessária a realização do Tilt Test (teste de inclinação), na pesquisa de desmaios e tonturas.

Em casos selecionados, pode ainda estar indicado o estudo eletrofisiológico, que é um exame invasivo, no qual o médico cardiologista especialista em eletrofisiologia introduz um cateter pela virilha do paciente, de modo semelhante a um cateterismo, e o direciona até o interior do coração. É um dos exames mais específicos para avaliação de arritmias cardíacas.

Prevenção

Estilo de vida

Conforme já observado, a ocorrência de algumas arritmias pode estar relacionada ao estilo de vida, Modificações nos hábitos cotidianos como dieta mais saudável e atividades físicas regulares, além da interrupção do tabagismo, estão indicados na prevenção das arritmias cardíacas. 

 

Visitas regulares ao cardiologista

As visitas regulares ao cardiologista são fundamentais para que doenças ou situações de agravo sejam precocemente identificadas e tratadas. De um modo geral, todo paciente portador de arritmia cardíaca ou qualquer outro tipo de doença do coração, deve visitar seu cardiologista regularmente. 

Na Scuotto Cardiologia®, cada paciente recebe um manual com orientações preventivas que já determinam os períodos de retorno. É importante individualizar cada paciente em seu tratamento, pois uma mesma doença pode apresentar diferentes manifestações. Na prática, cada um recebe a orientação preventiva de acordo com sua condição de saúde.  

 

Checkup cardiológico

O checkup cardiológico é um importante auxiliar no campo da prevenção de doenças cardíacas. Consiste na realização de diversos exames que possibilitam o diagnóstico precoce das alterações no funcionamento do coração. Está diretamente relacionado com as visitas periódicas ao cardiologista e pode ter indicação obrigatória para alguns pacientes. 

 

©  2016 por SCardiologia

  • White Facebook Icon
  • White Twitter Icon
  • White Google+ Icon

Rua Dr. Diogo de Faria, 775  Cj 14 - Vila Clementino 

(11) 3459 3665